receba nossas postagens no seu e-mail!

Hoje quero dar uma dica rápida de acordo, especialmente para advogados de Reclamantes.

Para pagamento normalmente é usada a transferência bancária pelas empresas, então elas precisam saber qual é o beneficiário, o banco e o número da conta, além do CPF ou CNPJ de quem vai receber o valor (pode ser o advogado ou o próprio Reclamante).

Acontece que esses dados são públicos e ficarão disponíveis na internet, podendo ser consultados por qualquer pessoa.

Minha dica é: na ata conste o beneficiário, o banco e o número da conta, mas NÃO indique expressamente o número do CPF ou CNPJ. Peça, por questões de segurança, que essa informação seja passada diretamente ao advogado da outra parte.

A maioria dos juízes permite e assim você resguarda o seu cliente!

E se quiser ler mais sobre acordos, já publiquei diversas matérias sobre o tema:

__________________________

Crédito de imagem: AllGo – Unsplash

Deixe seu comentário

2 Comentários

  • Caroline
    05 junho, 2020

    Olá Doutora, encontrei seu blog por um acaso, e adorei.
    Vou deixar registrado aqui um acontecimento e gostaria de saber sua opinião. Minha mãe propôs uma reclamação trabalhista, e consequentemente realizou um acordo com a empresa na qual ela era contratada. Contudo a minha mãe era terceirizada e prestava serviços em outro prédio. O que aconteceu foi o seguinte, a advogada não identificou os pagamentos feitos pela reclamada, a reclamada não apresentou os comprovantes de pagamento. A adv pediu a execução do prédio a onde os serviços eram prestados. O prédio realizou o pagamento do acordo. Após o arquivamento do Processo a 1 reclamada apresentou o comprovante dos pagamentos que haviam sido feitos fora da data acordada e sem identificação. A juíza condenou a minha mãe a litigância de ma-fé e pediu a devolução dos valores. Eai Doutora, como fica essa história? Desde já, agradeço a atenção.

    • Melissa Santos
      Melissa Santos
      07 junho, 2020

      Oi, Caroline! Tudo bem?
      Fala para a sua mãe entrar em contato com a advogada dela urgente para tentar reverter a multa imposta.
      Boa sorte! Estou torcendo para dar tudo certo 😉