receba nossas postagens no seu e-mail!

Muitos colegas iniciantes ainda tem dúvida de como se organizar para uma audiência trabalhista e não sabem nem como começar a elaborar um roteiro.

Se você ainda tem dúvidas de como se sair bem em uma audiência trabalhista, recomendo primeiro que estude bastante, leia a respeito e se prepare MUITO! Aqui no blog tem bastante conteúdo gratuito, mas se você prefere um curso, recomendo esse aqui!

Pensando na audiência, criei um Checklist de Audiência super completo para facilitar o dia a dia (se quiser o conteúdo abaixo já mastigadinho, clique aqui), mas vou contar um passo a passo da análise que eu sempre faço:

1. Leia o processo completo

Você deve ser a pessoa que conhece o processo melhor do que ninguém. Leia tudo, faça anotações, grife e torne aquele conteúdo intuitivo para você.

2. Anote os dados

Em uma folha, comece a anotar os dados importantes:

  • Nome das partes
  • Número do processo
  • Hora da audiência
  • Tipo de audiência e rito

3. Separe os requerimentos

Identifique os requerimentos que precisa fazer. Exemplo:

  • Retificação do polo
  • Chamamento ao processo
  • Inversão do ônus da prova
  • Adiamento
  • Expedição de carta precatória
  • Retorno ao Perito
  • Juntada de documento novo

4. Separe as matérias que precisam de prova e estabeleça de quem é o ônus

As matérias de direito não precisam ser provadas em audiência, apenas as matérias de fato.

Separe quais provas já foram produzidas no processo e quais ainda precisam ser feitas. Exemplo:

  • Precisa de prova testemunhal?
  • Ouvidas na hora ou por precatória?
  • Há necessidade de perícia?
  • De que tipo (médica? técnica? grafotécnica)?
  • Precisa ouvir um especialista?
  • Precisa de tradutor?

Também é importante saber de quem é o ônus da prova, pois isso influenciará diretamente nas provas que você terá que produzir.

5. Elabore as perguntas

Já fiz uma matéria ensinando como fazer perguntas para a parte contrária.

A minha recomendação é que você leve um esboço e ajuste o rol de perguntas de acordo com aquilo que conversar com o seu cliente e com as testemunhas.

6. Esteja preparado para mudar tudo

A audiência é MUITO dinâmica, então esteja preparado para acrescentar perguntas, excluir perguntas, contraditar testemunhas, pedir a aplicação da pena de confissão, desistir da oitiva de testemunhas, enfim, esteja pronto para tudo!

7. Anote os próximos passos

Não se esqueça de anotar os prazos conferidos em audiência (ex.: prazo para juntada de documento, quesitos, indicação de testemunha, réplica, etc) e os próximos passos (ex.: redesignação, data de julgamento, etc).

Como eu disse, elaborei uma ferramenta incrível para facilitar esse roteiro de audiência, que já vem tudo mastigadinho (e o valor é super acessível)… Espero que te ajude! 💜

Você faz alguma coisa diferente no seu roteiro de audiência trabalhista?

Compartilha nos comentários!

_____________________

Crédito de imagem: Freepik

Deixe seu comentário